Notícias

Projetos de Francisco Jr são aprovados na ALEGO e podem se tornar lei em 2019

Com a aproximação do final da 18ª Legislatura da Assembleia Legislativa de Goiás e do recesso para as festividades de fim de ano, diversos projetos de lei estão sendo analisados e votados nos últimos dias. Dentre esses projetos se destacam os de autoria do deputado estadual Francisco Jr (PSD) aprovados em segundo pleito e que… Continuar lendo Projetos de Francisco Jr são aprovados na ALEGO e podem se tornar lei em 2019

Notícias

Política de incentivo à cultura do bambu é aprovada na Assembleia Legislativa

Projetos pautados na preservação do meio-ambiente, na defesa do cerrado e na busca por alternativas sustentáveis para o desenvolvimento do agronegócio são comuns na atuação de Francisco Jr. Deputado estadual pelo PSD, o parlamentar teve mais uma propositura que faz parte dessa frente de trabalho aprovada na Assembleia Legislativa.

Notícias

Criação de comissões para análise de itens a serem doados para crianças é aprovada na ALEGO

“É primordial deixar as crianças viverem a infância na sua totalidade, cada coisa em seu tempo, respeitando cada fase, cada ritmo, cada desenvolvimento, cada evolução”, é o que defendo o deputado estadual Francisco Jr (PSD). Em prol dessa compreensão, o deputado formulou projeto de lei que defende a fundação de comissões para análise de produtos, adquiridos com recursos governamentais, a serem doados para crianças.

Notícias

Oferta da equoterapia na rede pública de saúde é aprovada na ALEGO

Durante sessão ordinária realizada na tarde da última quarta-feira, 21, mais um projeto de lei de autoria de Francisco Jr, deputado estadual pelo  PSD, foi aprovado. A propositura, que prevê a oferta da equoterapia como tratamento para pessoas com deficiência na rede de saúde pública do estado, recebeu parecer favorável da maior parte dos componentes da ALEGO.

Notícias

Projeto de Francisco Jr visa auxiliar na redução dos roubos de carga

Francisco Jr, deputado estadual pelo PSD, elaborou projeto de lei que define sanções contra estabelecimentos associados à produtos frutos de  descaminho, roubo ou furto. A propositura foi apreciada durante reunião da Comissão Mista da ALEGO na última terça-feira, 27, e foi aprovada pela maioria dos presentes.