Notícias

Meirelles e Francisco Jr destacam reformas em audiência pública sobre a retomada econômica

Na abertura dos estudos que começaram a ser desenvolvidos pela Câmara dos Deputados sobre as medidas para a retomada da economia do País, o secretário da Fazenda e Planejamento do Estado de São Paulo, Henrique Meirelles, destacou que as reformas estão entre as medidas essenciais para essa recuperação. “É necessário reformar todo o sistema, não adianta reformar apenas os impostos federais, porque grande parte da complexidade tributária do País vai se dar nos Estados e municípios”, afirmou Meirelles, ao reforçar a importância da reforma tributária, especificamente.

Um dos coordenadores das discussões iniciadas pelo Centro de Estudos e Debates Estratégicos (Cedes) e autor do convite ao ex-ministro da Fazenda, o deputado federal Francisco Júnior (PSD-GO) afirmou que o Congresso será imprescindível para uma nova agenda do País e um ciclo de desenvolvimento. “O próximo biênio será um período definidor para o futuro do País, de uma necessária reorganização estrutural, que inclusive já iniciamos com algumas reformas, mas ainda há muito a ser feito”, disse o parlamentar.

Com o tema “Retomada Econômica e Geração de Emprego e Renda no Pós-Pandemia”, o estudo começou a ouvir os mais diversos setores e os especialistas para as medidas que devem ser tomadas pelo poder público. “Por isto decidimos abrir os encontros com Meirelles. Mestre em Economia e Administração, ex-ministro da Fazenda e ex-presidente do Banco Central, enfim, um grande estudioso da economia, ele nos apontou pontos indispensáveis como o fortalecimento do setor de serviços, maior empregador da economia”, afirma Francisco Júnior.

Em outro ponto, o ex-ministro destacou ainda que o posicionamento internacional será fundamental para o cenário no Brasil, mesmo com as peculiaridades de cada país, mas será imprescindível a busca de investimentos estrangeiros. “A atração de recursos internacionais é fundamental, temos feito isso com sucesso em São Paulo”, disse Meirelles, destacando pontos que fizeram a economia paulista crescer acima da média nacional.

A proposta é que o estudo debata questões em que a Câmara dos Deputados terá papel primordial, como as reformas em curso, os mecanismos para passar confiança e segurança jurídica ao investidor, novos modelos de privatizações das estatais, entre outros pontos. A audiência pública foi aberta pelo presidente do Cedes, deputado federal Da Vitória (Cidadania-ES), contou com a presença do líder do PSD, deputado federal Antônio Brito (PSD-BA), do secretário da Saúde do Estado de Goiás, Ismael Alexandrino, e a participação de representantes de entidades.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s